Modalidades

 

Supermoto 2017: Calendário definido

c39bfa06-5d98-46bb-b1ab-17b469257e23

Com organização mais uma vez a cargo da Associação Club Moto Galos de Barcelos, que tem vindo a dinamizar e promover o Supermoto a nível nacional, está já definido o calendário com vista ao ano de 2017.  Tal como em 2016 o campeonato será dividido em três fases distintas, cada uma delas com três provas: Zona Norte e Zona Sul e ainda a Fase Comum que juntará os pilotos de ambas as zonas para discutir o título nacional. Juntamente com os pilotos do Nacional de Supermoto vão ainda estar em pista em algumas rondas do calendário os pilotos das classes 85GP/Moto4, 125GP/PréMoto3 e Moto3 do CNV, com as datas e locais dessas provas a serem brevemente anunciados. Parte integrante do campeonato será novamente o Troféu Nacional MiniSupermoto com cinco provas em agenda divididas pelas três fases do campeonato nacional.

(mais…)

3 Horas Estoril: Alves & Rosa Lda

3HorasEstoril2017

A sociedade Mário Alves e Nelson Rosa conseguiu hoje no Circuito do Estoril a vitória naquela que foi a primeira corrida de velocidade do ano. Com organização a cargo do Motor Clube do Estoril e apoio da Motoval a prova teve 3 horas de duração e com a presença de 14 formações marcou o arranque da época nos circuitos de asfalto.

(mais…)

Velocidade 2017: 3 Horas do Estoril

Velocidade2017

No arranque de mais uma temporada de velocidade em território nacional o Motor Clube do Estoril leva a cabo entre os dias 14 e 15 de Abril – sexta e Sábado – uma prova de resistência com duração de três horas aberta a equipas de dois ou três pilotos, profissionais ou amadores.

Em fim-de-semana de Páscoa o clube do Estoril trás de regresso ao traçado que vai receber o FIM CEV em Julho uma prova de longa duração, no que será ao mesmo tempo uma espécie de ‘prólogo’ para o CNV 2017 visto serem esperadas algumas motos e equipas que vão participar no mesmo, como é o caso de Tiago Magalhães, o campeão nacional de Superbike, que vai fazer aqui a sua estreia aos comandos da moto que utilizará em 2017.

(mais…)

Eleições 2017: Lista A com maioria

Realizou-se ontem o derradeiro acto das eleições para os Orgãos Sociais da Federação de Motociclismo de Portugal com vista ao período compreendido entre 2017 e 2020.

Com duas listas concorrentes, sendo uma liderada pelo actual presidente – Manuel Marinheiro (Lista A) e outra liderada por Jorge Morgado (Lista B), o acto eleitoral foi reservado aos 40 delegados anteriormente eleitos que ao longo da tarde se deslocaram à sede da FMP ou enviaram anteriormente o seu voto por correspondência.

No fecho das urnas e com os votos confirmados e contabilizados, a lista A venceu com um total de 34 votos para a Presidência, Direcção e Mesa de Assembleia Geral, com a lista B a recolher 3 votos sendo ainda considerado nulo um dos votos colocado nas urna. A lista A garantiu igualmente maioria absoluta nas restantes áreas sob votação: Conselho de Disciplina, Conselho de Arbitragem, Conselho de Justiça e Conselho Fiscal.

Desta forma a lista liderada por Manuel Marinheiro foi reconduzida para o seu segundo mandato de quatro anos na liderança da Federação de Motociclismo de Portugal.

3 Horas Estoril: Resistência abre temporada

CNV2016_Estoril2

Antes do início do campeonato nacional de velocidade o Motor Clube do Estoril, a Motoval e a Federação de Motociclismo de Portugal promovem nos próximos dias 14 e 15 de Abril uma prova de resistência com três horas de duração e aberta a todos os pilotos com Licença Desportiva FIM, UEM, Licença Desportiva Nacional e Licença Desportiva Nacional Regional.

As equipas poderão ser compostas no máximo por três pilotos e poderá ser utilizada mais que uma moto por equipa no decorrer da prova, sendo admitidas à partida três classes distintas de motos:

CLASSE 1
– 850 cc (Menos de 850 cc)
– Motos de cilindrada 600cc, 675cc e 750cc, Ducati 848, 916, 955, 996 e 999

CLASSE 2
 +5 80 cc (Mais de 850cc)

CLASSE 3
Motos NAKED

CLASSE 4
Motos com data de início de fabrico das suas séries (modelos) entre 1 de Janeiro de 1985 e 31 de Dezembro de 1999

A inscrição tem um custo de 140 euros por pilotos, valor aos qual acrescem 20 euros para manutenção do circuito e pode ser feita directamente para o Motor Clube do Estoril.

Supermoto 2017: Portalegre recebeu apresentação


PresentSM2017_1

Com organização do Grupo Motard Novo Milénio a cidade de Portalegre e o seu kartódromo acolheram no passado fim-de-semana o lançamento do campeonato nacional de Supermoto que depois do regresso em 2016 volta a ser uma das apostas por parte da Federação de Motociclismo de Portugal que de juntamente com as sempre espectaculares e rápidas Supermoto irá igualmente nas pistas do campeonato uma classe para as Mini-motos onde poderão competir os pilotos de mais tenra idade.

Em 2017 e tal como aconteceu no passado ano, em que o campeonato regressou depois de três anos de ausência a Federação de Motociclismo de Portugal irá dividir o campeonato em três fases distintas com os pilotos a terem primeiro três rondas para as zonas Norte e Sul, seguindo-se no final da temporada a fase final do campeonato igualmente com três provas.

(mais…)

FMP