PodioCampeonatoElite

Na ronda de todas as decisões no campeonato nacional de Supercross foi com uma animada e conhecedora moldura humana que se realizou a derradeira prova do campeonato nacional de Supercross. A localidade de Paço dos Negros, perto de Almeirim, acolheu pela décima vez uma prova da especialidade e em noite decisiva foi Hugo Basaula quem acabou por somar os pontos necessários para se sagrar novamente campeão nacional depois de ter perdido o ceptro no passado ano para Paulo Alberto.


Este foi mesmo o vencedor de ambas as corridas, tal como tinha acontecido na prova anterior em Fafe, liderando todas as voltas da primeira final na frente de Basaula, com o ainda lesionado Sandro Peixe a ser o terceiro na frente de Diogo Graça, novamente o melhor em SX2. Na segunda corrida Basaula liderou as primeiras cinco voltas, mas na sexta era já Paulo Alberto o primeiro, posição que não mais largou para assegurar a vitória na ronda de encerramento do campeonato e isolar-se na lista dos pilotos com  mais vitórias em Paço dos Negros, contabilizando mais quatro sucessos – dois em Elite e outros tantos em SX1, aos cinco que tinha anteriormente. Basaula foi de novo segundo na frente de Peixe e Graça, invicto em SX2 com mais uma dupla vitória.

O resultado final permitiu a Hugo Basaula ser campeão com oito pontos de vantagem sobre Peixe – ainda a contas com uma lesão num joelho contraída na semana anterior em Fafe – cabendo a Diogo Graça o terceiro lugar final em Elite e a vitória na SX2.

Entre os Infantis as vitórias foram divididas na Infantis B. Crónico vencedor desde o início do ano Sandro Lobo ficou parado no momento do arranque da primeira manga e foi na cauda do pelotão que arrancou quando o primeiro estava já a meio da volta de abertura. Martim Espinho liderou sem problemas até à bandeira de xadrêz e o pequeno e irrequieto Lobo recuperou até ao segundo posto, ultrapassando bem perto do final Igor Amorim. Na segunda corrida, sem problemas no arranque Sandro Lobo regressou ás vitórias para fechar o campeonato com mais uma vitória e com o ceptro nas mãos. Em Infantis A Filipe Duarte sagrou-se campeão mas depois de vencer em todas as restantes provas anteriormente realizadas aqui foi batido pelo estreante Vasco Salgado. Na primeira corrida o recém-chegado destacou-se do rival e venceu de forma mais folgada, mas na segunda corrida foi intenso o duelo entre ambos e apenas na derradeira curva Salgado levou a melhor sobre Duarte para assegurar a vitória final na frente de Duarte.

Esta derradeira ronda do campeonato contou ainda com a presença da classe Iniciados com as vitórias a ficarem nas mãos de Fábio Costa, que tal como os Infantis deu igualmente muito espectáculo a par com os seus colegas de pista aos comandos das motos de menor cilindrada.

Please follow and like us:
SX Paço dos Negros: Basaula regressa ao título
FMP