Modalidades

 

Faleceu Fernando Neves

Neves_Rahier_b

Conhecido por todos os seguidores como um dos símbolos da modalidade, e com dezena e meia de títulos no seu palmarés, o ex-piloto Fernando Neves, natural de Vendas Novas onde residia, faleceu esta segunda-feira. As Suzuki com as cores da Goldoni foram símbolo do MX nacional ao lado do piloto alentejano, conhecido pela sua enorme resistência fisica que o levava a conseguir realizar seis mangas no mesmo dia, todas elas com 45 minutos de duração, tudo numa era onde a força era quase sempre superior à técnica.

Nesta hora difícil para a família de Fernando Neves – cujo funeral se realizará manhã ás 11 horas – a direcção da Federação de Motociclismo de Portugal endereça as mais sentidas condolências, extensíveis a todos os fãs e seguidores de um dos grandes símbolos do motociclismo nacional, que chegou a bater os grandes nomes da modalidade – na foto na frente de Gaston Rahier – no final dos anos 70 e 80 do século passado, tendo igualmente representado as cores portuguesas em provas internacionais, como a Taça das Nações em 1981 ou 1983, ao lado de outros históricos da modalidade, como Jorge Leite, Rodrigo Ribeiro – conhecido como o ‘Arranca Pinheiros’ – José Coutinho, Mário Kalssas ou Miguel Romão.

FernandoNeves

 

 

FOTOS: amotorascheiasdechao.blogspot.com

Carrazeda de Ansiães fecha época

Uma semana depois da decisiva ronda do Alqueidão o Crossódromo Nacional de Carrazeda de Ansiães vai ser no próximo Domingo (17 de Junho) o palco do ‘descer do pano’ nas classes maiores do campeonato nacional de MX.

Com Luis Correia em MX1 e Elite, Luis Outeiro nos Júniores e Rodrigo Luz nos 2Tempos já seguros nas primeiras posições dos respectivos campeonato, a atenção centra-se agora na decisão da classe MX2 onde o grande favorito é Luis Outeiro, que precisa apenas de 16 pontos para se sagrar campeão na categoria naquele que é igualmente o seu ano de estreia entre os nomes mais sonantes da modalidade.

Com 1900 metros de perímetro a pista transmontana será igualmente palco de mais uma etapa do campeonato nacional de Iniciados, liderado por Ruben Ferreira à chegada a esta penúltima ronda do ano. Afonso Gomes é o segundo e Alex Almeida – que se estreou a vencer no Alqueidão, é o terceiro classificado da classe.

(mais…)

Primeiros títulos no Alqueidão

e33350f3-8462-49d2-b8b9-ed7f30558c4b

Num Domingo de céu carregado e alguma chuva a tornarem a terra vermelha do Crossódromo do Alqueidão a penúltima ronda do campeonato nacional de motocross consagrou já os primeiros campeões nacionais do ano 2018.

Naquela que foi a 15ª recepção no icónico traçado ao campeonato nacional de motocross estiveram em pistas as classes MX1, MX2 e Iniciados e no final desta penúltima ronda do ano – o campeonato termina no próximo Domingo em Carrazeda de Ansiães – Luis Correia assinou o seu 16º sexto título nacional, o 12º nas classes séniores, ficando a apenas um do recorde que está nas mãos do flaviense Hugo Santos. Ao vencer as corridas MX1 e Elite Luis Correia estreou-se igualmente a vencer nas categorias principais do campeonato pois anteriormente tinha ganho apenas em MX2.

(mais…)

Alqueidão pode ditar títulos

Depois de ter visto a sua data original ser cancelada devido ás más condições climatéricas que se fizeram sentir, a localidade do Alqueidão recebe no próximo Domingo aquela que poderá ser uma ronda decisiva para o campeonato nacional MX 2018.

O Crossódromo de Alqueidão – Parque Desportivo José Henrique Carvalho e os 1.600 metros de traçado podem definir as coroas em Elite e MX1 para as mãos de Luis Correia visto ser a penúltima ronda do ano e o piloto da Moçarria nem sequer precisar de vencer no Alqueidão para assegurar mais dois títulos para o seu bem recheado palmarés. 33 pontos de vantagem em Elite e 67 em MX1 deixam o ribatejano na ‘porta do campeonato’, em contraste com a classe MX2 onde o piloto da casa, Luis Outeiro, vai defender a liderança que assumiu na ronda de Fernão Joanes e tentar fazer valer os 16 pontos de margem sobre Diogo Graça que trás na sua ‘bagagem’. O factor casa pode ajudar ao líder dos Juniores a conseguir um resultado positivo, ele que viu André Sérgio vencer a ronda junto à cidade da Guarda numa estreia absoluta. A dúvida quanto ao regresso de Diogo Graça será esclarecida apenas no dia da corrida. Nos Juniores e 2 Tempos, a liderança de Luis Outeiro e Rodrigo Luz respectivamente é inquestionável, pilotos que têm dominado o campeonato ao longo do ano.

(mais…)

Estreia de Sérgio em Fernão Joanes

Em fim‑de‑semana de muita acção e corridas no Crossódromo das Lajes em Fernão Joanes, uma das notas de destaque foi a estreia de André Sérgio a vencer na classe MX2, tornando-se no 29º piloto a vencer na classe em provas sob a égide da Federação de Motociclismo de Portugal.

Com os campeonatos europeus 65 e 85cc igualmente em pista o circuito junto à cidade da Guarda acolheu igualmente pela oitava vez na sua história uma prova pontuável para o campeonato nacional. Luis Correia chegou aqui na frente da classificação geral em MX1 e Elite, mas nota de destaque era a ausência de Diogo Graça, que se lesionou na semana a anterior quando treinava e deixava caminho livre aos adversários – liderados por Luis Outeiro – para recuperaram terreno no campeonato, notando-se igualmente o regresso de Hugo Basaula para dar mais réplica a Correia pois Paulo Alberto esteva mais uma vez fora de portas ao enfrentar uma das rondas do campeonato espanhol integrado na equipa de Javier Garcia Vico.

(mais…)

Fernão Joanes recebe Europeu e Nacional

Poster FMP Europeu MX 65-85 2018 V1

Lado a lado com o campeonato nacional da especialidade o Europeu MX 85 e 65cc regressa este fim‑de‑semana ao traçado de Fernão Joanes junto à cidade da Guarda. Com pouco menos de 1600 metros de perímetro o Crossódromo das Lajes – que dista 14 quilómetros da cidade da Guarda – volta a receber um das rondas deste sempre competitivo campeonato onde estão aqueles que sonham em chegar aos patamares mais elevados da especialidade. Pilotos oriundos de países como Espanha, Alemanha, França, Itália, Grã-Bretanha e Républica Checa vão encher o ‘paddock’ do recinto e prometem um elevado nível de espectáculo como aconteceu em anos anteriores numa das mais conceituadas provas do calendário.

(mais…)

FMP