Desde sempre estas celebrações tiveram o cunho de reunirem todos os motociclistas ao redor de um único evento que lembremos a memória de todos os companheiros das duas rodas e a festa da vida das motas. Dentro do contexto cultural em que vivemos, seguiu-se os moldes actuais com a preocupação que seja cada vez mais enriquecida, quer a nível da celebração, quer a nível de local que a acolha. A maneira de o celebrar poderia ser outro e até pode ser outro, desde que os objectivos iniciais estejam presentes na celebração que se faça e onde possa acontecer.

 

Somos pioneiros neste tipo de celebração: O DIA DO MOTOCICLISTA!

Nenhum país ou associação, faz o que nós estamos a fazer em prol da unidade de todos os motociclistas e para que essa mesma unidade seja visível, tendo a preocupação que nesse dia não haja qualquer outra actividade marcada a nível do motociclismo.

Verificou-se que este ano se realizou uma celebração idêntica à que aconteceu em Faro, nos mesmos moldes. Uma celebração de uma missa e bênção  dos capacetes em Mondim de Bastos, no Santuário de Nossa Senhora da Graça. Tive a oportunidade de falar de forma amigável e franca com os mentores desta iniciativa, que constou como alternativa a Faro na celebração do Dia do Motociclista. Sei que as suas intenções não foram de oposição, ainda que a realidade possa provocar esse equívoco. Os mesmos elementos, isto é, uma missa e uma bênção de capacetes, como o relembrar a memória dos companheiros vítimas de acidente de Mota, são os mesmos elementos com que sempre celebrou o DIA DO MOTOCICLISTA. No meio disto tudo não tenho receio de uma espécie de concorrência. Nada disso! Mas temo, isso sim, que o DIA DO MOTOCICLISTA, se torne numa multiplicação de celebrações isoladas, aqui e ali, como acontece já com as “Concentrações Motards” que em vez de unir os Motociclistas, os dispersa, cada vez mais… talvez as única excepção se possa admitir, para os companheiros dos Açores e da Madeira, esses sim, porque não podem vir ao Continente de mota, mas mesmo assim, com alguma frequência têm marcado presença no DIA DO MOTOCICLISTA, como sinal de Unidade dos Motociclistas…

Please follow and like us:
Decorreu o Décimo Terceiro Dia do Motociclista, este ano em Faro.
FMP